O HOMEM E A MULHER NA DIREÇÃO VEICULAR. QUAL A DIFERENÇA?



Dr. Dirceu Rodrigues Alves Júnior
          

Não só as diferenças físicas entre o sexo masculino e feminino justificam o desequilíbrio comportamental. O metabolismo, a agilidade, os atos impensados, a pressa, a orientação espacial, a necessidade de impor condições, de se julgar o dono do mundo são alguns fatores que dissocia o comportamento do homem e da mulher.

Diferenças comportamentais do universo masculino e feminino fizeram com que pesquisadores da University of Virginia atrelassem o fato a condições genéticas e a ação dos estrogênios.

O hemisfério direito do cérebro é emotivo e o esquerdo analítico. Na mulher parece haver uma conexão maior entre esses hemisférios daí talvez atitudes mais seguras, mais bem direcionadas, melhor analisadas.

O cérebro masculino é cerca de 10% maior que o feminino o que não significa melhor desempenho intelectual já que os testes de QI (Coeficiente de Inteligência) são semelhantes.

Os homens são mais rápidos no raciocínio matemático e espacial enquanto as mulheres são melhores com as palavras, com as relações humanas. Não temos dúvida que isso é uma verdade.

Julgamos o homem mais genérico, pouco analítico e pouco emotivo nas atitudes e execução de tarefas. Já as mulheres mais analíticas, detalhistas e emotivas executando tarefas com prévio planejamento e segurança.

Na direção veicular vemos esse comportamento presente. O homem ativo, austero, exigente, dominador, agressivo, imediatista, irritado enquanto a mulher passiva, cautelosa, paciente, tranquila.

A agilidade, a pressa, muitas vezes a compulsão para velocidade são fatores presentes no universo masculino. Daí podermos entender que o homem na direção veicular tem todos os componentes para a sinistralidade. Observe que os acidentes são de médio a graves, quase sempre com vítimas. Já com as mulheres temos mais frequentemente os acidentes leves, sem vítimas, com pequenos danos materiais.

Quem seria o melhor motorista? O homem ou a mulher?

Não tenho dúvida em afirmar que a mulher desenvolve essa atividade com melhor habilidade e qualidade que o homem. Afirmo isso tendo em vista a grande sintonia entre o hemisfério cerebral que é analítico e o que é emotivo, daí existir contenções para execução de tarefa com risco. Ela é portadora de todo o perfil ideal para execução dessa tarefa. Basta vermos os dados estatísticos de acidentes de trânsito que vamos concluir que a mulher é dotada de características próprias para enfrentar a direção veicular e o trânsito.

É ela que mais respeita a sinalização, raramente comete ato inseguro e se sai muito bem diante de condição insegura.

Já o homem, de raciocínio rápido e com boa orientação espacial é capaz de exageros com relação à agilidade, o respeito à sinalização, torna-se mais competitivo, detém uma direção ofensiva e chega ao acidente de média e grande proporção com muito mais facilidade.

A mulher, pelo que apresentamos é realmente mais lenta com relação à orientação espacial, mas isso não desvaloriza a seguridade que ela porta e por isso a caracterizo como uma excelente operadora de máquina sobre rodas.

           Principais diferenças:

HOMEM
MULHER
STATUS, PODER
NECESSIDADE
EXIBICIONISTA
HUMILDE
NEGLIGENTE, IMPRUDENTE
PRUDENTE, SEGURA
SEM MEDO
MEDO
NÃO CAUTELOSO
CAUTELOSA
ESQUECE A SEGURANÇA
SEGURA
ACIDENTES MÉDIOS E GRAVES
ACIDENTES LEVES
COMPULSÃO PARA VELOCIDADE
SEM COMPULSÃO
IMPACIENTE
PACIENTE
ESTRESSE RÁPIDO
CHEGA AO                            ESTRESSE EM LONGO PRAZO
AGRIDE
NÃO AGRIDE
INTOLERANTE
TOLERANTE
NÃO USA A DIREÇÃO DEFENSIVA
USA DIREÇÃO DEFENSIVA

                          Dr. Dirceu Rodrigues Alves Júnior.
                Diretor de Comunicação e do Departamento de Medicina de Tráfego 
                                                       Ocupacional da ABRAMET                                      
              www.abramet.com.br
                       dirceurodrigues@abramet.com.br





Cursos Gratuitos




Estamos em contínuo processo de aprendizagem e resolvi compartilhar alguns cursos online totalmente gratuitos, já fiz vários ao longo do tempo, possibilitando aprimorar conhecimento em diversas áreas, com certificados gratuitos:


FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS ON LINE
http://www5.fgv.br/fgvonline/Cursos/Gratuitos


IPED - INSTITUTO POLITÉCNICO DE ENSINO À DISTÂNCIA
https://www.iped.com.br/cursos-gratis


CURSO ON LINE EDUCA
http://www.cursosonlineeduca.com.br/ 


PRIME CURSOS
https://www.primecursos.com.br/

EAD SESI ES
https://eadsenaies.com.br/

CURSOS 24HORAS COM BAIXO CUSTO
http://www.cursos24horas.com.br/



SE VOCÊ CONHECE OUTROS CURSOS FAVOR COMPARTILHAR

Portas corta-fogo

Equipamento requer manutenção e deve isolar a fumaça por, no mínimo, 90 minutos
FacebookTwitterIndicar1

Equipamentos de segurança em dia não não são fundamentais apenas para tirar o AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), ou para evitar a entrada de ladrões. Esse é o tipo de item que, estando nas condições corretas de uso, salva vidas.

As portas corta-fogo são obrigatórias em edifícios a partir de 1983 e tem esse nome por manter a fumaça e fogo longe das escadas por no mínimo 90 minutos, dando, assim, tempo e condições de esvaziar o prédio em caso de incêndio
Manutenção de portas corta-fogo

A porta pode ser feita de diferentes compostos com diversos materiais como madeira, aço, gesso, vidro e vermiculita. Deve contar com barra para abertura e fechamento ou maçaneta. E, para fechar e abrir com facilidade, deve apresentar molas nas dobradiças.

Bibllioteca Digital - Domínio Público

Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre


Uma bela biblioteca digital, desenvolvida em software livre, um lugar onde você pode gratuitamente:

· Ver as grandes pinturas de Leonardo Da Vinci ;

· escutar músicas em MP3 de alta qualidade;

· Ler obras de Machado de Assis Ou a Divina Comédia;

· ter acesso às melhores historinhas infantis e vídeos da TV ESCOLA,

ARTIGOS CIENTÍFICOS

e muito mais....

O Ministério da Educação disponibiliza tudo isso, basta acessar o site:

www.dominiopublico.gov.br

Só de literatura portuguesa são 732 obras!

Saque de FGTS inativo começa em fevereiro

Mês de aniversário do dono da conta vai orientar calendário de liberação
dinheiro - real - nota - papel - inflação - economia - brasil - pib - dívida - superávit (Foto: Thinkstock)
 (FOTO: THINKSTOCK)

Os trabalhadores com saldo nas contas inativas do FGTS que fazem aniversário em janeiro já devem começar a sacar os recursos em fevereiro. O cronograma de pagamento será fechado pela Caixa Econômica Federal nas próximas semanas, mas a orientação do governo é que todos os cotistas recebam o dinheiro no prazo máximo de um ano, para que a medida surta efeito na economia.


Dessa forma, quem nasceu em fevereiro receberá em março, e assim sucessivamente. Os meses também poderão ser agrupados para encurtar o prazo, disse um técnico envolvido nas discussões.

A Caixa estuda creditar diretamente os valores para os trabalhadores que têm conta no banco. A ideia é acionar também os correspondentes bancários, como as lotéricas, para ajudar no pagamento, no caso de saldos de menor valor.

Também se cogita a possibilidade de os trabalhadores serem informados por telefone (SMS) ou e-mail sobre o valor a que terão direito e a data do saque ou crédito na conta corrente. Para isso, a Caixa está fazendo um amplo trabalho no banco de dados, a fim de atualizar endereços, usando vários cadastros, como Bolsa Família, CPF e seguro-desemprego, além de consultar as informações de quem tem conta ativa no FGTS, mais atualizadas.
Salário mínimo

Segundo uma fonte, o primeiro passo é melhorar a qualidade do cadastro das contas inativas. Em muitos casos, não consta número de telefone, e o endereço está desatualizado.

A Caixa chegou a cogitar como critério para a liberação dos recursos os saldos das contas inativas, de modo a beneficiar primeiro os trabalhadores com menores valores — o que corresponde à maioria, pois mais de 80% têm até um salário mínimo, hoje em R$ 937. Essa ideia, no entanto, poderia causar uma corrida à Caixa, pois muitos cotistas não sabem quanto têm a receber.

Pesa a favor do corte pela data de nascimento o fato de a Caixa ter experiência com a liberação do abono (PIS), que vai de julho a junho do ano seguinte, período no qual são atendidas 20 milhões de pessoas. Segundo um técnico, nesse caso, o fluxo de trabalhadores no banco é estável ao longo do ano, à exceção de fevereiro, que tem menos dias.

A Caixa informa que há 18,6 milhões de contas inativas no FGTS, no total de R$ 41 bilhões. Como muitos cotistas têm mais de uma conta, o governo estima que dez milhões de pessoas serão beneficiadas.

A previsão é que sejam sacados R$ 30 bilhões, pois há contas com valores tão baixos que não compensam a ida à agência.

Serão beneficiados com o saque das contas inativas do FGTS todos os trabalhadores que pediram demissão ou foram demitidos por justa causa até 31 de dezembro de 2015. A medida não contempla casos de cotistas que permanecem no mesmo emprego, mas têm conta inativa porque a empresa mudou de CNPJ.

Quem usou os recursos do FGTS para aplicar na Vale ou na Petrobras e depois ficou com a conta inativa poderá resgatar a aplicação e receber o dinheiro. Neste caso, os trabalhadores devem procurar os bancos onde fizeram o investimento. Quem não quiser sacar poderá deixar a quantia rendendo numa conta-investimento.

Os extratos de contas podem ser consultados no aplicativo do FGTS (disponível para Android, iOS, e Windows Phone), no site da Caixa (www.caixa.gov.br) e utilizando o Cartão do Cidadão em postos de autoatendimento ou agências do banco.

Hoje, o trabalhador pode sacar o dinheiro da conta inativa na sua data de aniversário, desde que ele esteja desempregado há pelo menos três anos.



Projeto na Mooca é exemplo de tendência





Bairro paulistano da Mooca é exemplo de tendência para 2017. Saiba mais na matéria: http://bit.ly/2iMn4UA


Opinião do Autor.

A Mooca está passando por processo de revitalização, a ideia parece ser interessante, toda iniciativa é sempre bem vinda, quando as pessoas buscam se envolver de maneira participativa de projetos da cidade.
Se tiver bons resultados e aceitação quem sabe outras cidades  façam o mesmo.

Eco Harmonia




Processo de reciclagem de plástico

POR RICARDO RICCHINI EM RECICLAGEM DE PLÁSTICO

O processo tem início com o recebimento da matéria prima, que vem de associações de catadores, empresas de coleta seletiva ou sucateiros. Ou seja, se você não destinar corretamente suas embalagens plásticas, a reciclagem fica comprometida.


Se você já reparou na pilha de embalagens plásticas que descarta toda semana, sabe que aqui tem bom negócio!

A empresas normalmente preferem adquirir o material compactado, enfardado e em toneladas. 


Em seguida é feita uma triagem do material, onde os plásticos são separados por tipos.

Cada tipo pode sofrer uma nova seleção. O PET, por exemplo, separado por cor, tem um maior valor de venda. 


A triagem é importantíssima para começar a revalorizar o material.
Então o plástico passa por um moinho de facas, onde é moído. 
Ocorre a lavagem e secagem do material. 

Apenas moídos, os plásticos já podem ser vendidos. Para agregar mais valor, os plásticos podem seguir para um aglutinador, que aquece e resfria o plástico, dando densidade suficiente para entrar na extrusora, que funde, homogeniza o material e o transforma em tiras, conhecidas como “spaghetti”. 


Por fim, o spaghetti resfriado, picotado e ensacado pode ser encaminhado para fábricas de artefatos plásticos. 

Aplicações do plástico reciclado 

O plástico reciclado serve para as aplicações mais diversas, podendo ser usado puro, misturado com resina virgem e até com outros materiais. 

As aplicações mais comuns são: embalagens – utensílios domésticos – tubos de conexão – peças de calçados – sacos plásticos – peças automotivas – componentes para eletrodomésticos – revestimentos – tecidos e muitos outros. 

A cada dia são descobertas novas aplicações para os plásticos reciclados. 


Quer empreender neste ramo? Então leia nossa matéria Como montar uma empresa de reciclagem de plástico

Misturou é lixo, separou é produto!!!

Campanha da Mamografia DIGITAL => GRATUITA <=

 Campanha da Mamografia Digital Gratuita

   O Instituto Neo Mama de Prevenção e Combate ao Câncer de Mama em parceria com a 4.2 Produtora desenvolveu um aplicativo totalmente gratuito para o sistema Android (Celulares e Tablets)
    Escolha uma "Palavra de Força", coloque o Laço Rosa Neo Mama onde você quiser na sua foto e depois compartilhe e incentive o seus amigos.

Desejamos um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo


Abramet alerta para risco de retrocesso da segurança no trânsito em campanhas eleitorais

Abramet alerta para risco de retrocesso da segurança no trânsito em campanhas eleitorais



A Associação Brasileira de Medicina de Tráfego enxerga com preocupação o tom das campanhas eleitorais que disseminam o conceito de “indústria da multa”, ao mesmo tempo em que prometem mudanças nas medidas de redução de velocidade e fiscalização das vias. A Abramet considera retrocesso qualquer aumento das velocidades veiculares e reconhece o conceito de “Indústria da multa” como falta de informação sobre o Código de Trânsito Brasileiro e os compromissos do Brasil com a redução do número epidêmico de acidentes. 

Um destes compromissos é o objetivo proposto pela Organização das Nações Unidas (ONU) de reduzir em 50% o número de mortes no trânsito até 2020, o patamar anual está em 1.25 milhões de mortes relacionadas ao trânsito (Dados da OMS, Organização Mundial de Saúde). A Abramet considera que para a meta ser alcançada, é necessária a mudança radical na cultura da mobilidade, não só do motorista, pedestres e ciclistas, mas também dos governantes e da iniciativa privada de nosso país. É preciso colocar em prática a execução do Código de Trânsito Brasileiro que data de 1997, quando determina a “Educação de Trânsito” nas escolas. 

Educação continuada (Abramet), formação de condutores, campanhas permanentes, policiamento ostensivo, participação da sociedade, fiscalização e punição precisam ser revigorados. 

Apesar das multas os fatores velocidade excessiva, álcool, drogas, fadiga, sono e desatenções continuam sendo causadores de acidentes.

Necessitamos de uma imunização de curto prazo em que a fiscalização deve ser forte e a punição para infratores severa. Em longo prazo, atuando na mudança da cultura, com educação de trânsito, a necessidade real de utilização de equipamentos de segurança e outros conhecimentos que amadurecerão nossos jovens e aos 18 anos de idade teremos novos cidadãos, conscientes, responsáveis, conhecedores dos limites da máquina sobre rodas, do respeito mútuo e à própria vida.

No cenário brasileiro, São Paulo observou amadurecimento nas regras de trânsito e maior assertividade na fiscalização. Dados anuais comparados mostram redução no número de acidentes e vítimas (CETSP – Parcial 2016), especialmente entre os usuários mais frágeis: os pedestres. Isto é possível através de ações que extrapolam o limite de administrações e partidos, ações como obrigatoriedade do uso do cinto de segurança no banco dianteiro e traseiro, do uso de cadeirinhas, das medidas inclusas na Lei Seca, as reduções de velocidades permitidas nas vias e maior fiscalização do trânsito para identificar infratores, ações recomendadas pela Abramet, profissionais de Saúde e Medicina de Tráfego, e por entidades internacionais como a Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Organização das Nações Unidas (ONU).

Tais resultados significam vidas salvas, menor número de sequelas e menor gasto público com vítimas de trânsito, é o entendimento da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego que os candidatos devem buscar apelo eleitoral sem colocar em risco os avanços atingidos na mudança da cultura do trânsito e no aumento da segurança no trânsito.



Dr. Dirceu Rodrigues Alves Júnior

Violência no Trânsito - Vídeo Entrevista




Publicado em 13 de jul de 2016

VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO é o tema de hoje com o nosso convidado Dr. Dirceu Rodrigues Alves Junior, Chefe do Departamento de Medicina de Tráfego Ocupacional e Diretor da ABRAMET.


Fonte : Padrão do Youtube






É Tempo de Festas, Férias, Viagens e Direção Defensiva nas Estradas

Ultrapasse somente um 
veículo de cada vez! Dessa 
forma você fica um tempo
mínimo na via contrária;

Em locais sem sinalização
só ultrapasse quando tiver
garantida a Regra
Fundamental de
Segurança no Trânsito:
Ver e Ser Visto!

Não ultrapasse em descida, pois todos os
veículos estão "ganhando velocidade"!

Cuidado ao ultrapassar. Além de observar se a via permite essa manobra, tenha certeza que o veículo da frente e também o de trás já não estão iniciando uma ultrapassagem. Confirme isso através dos retrovisores e sinais luminosos. 




Raios solares – saiba como eles agem e conheça seus benefícios e malefícios


Vivemos em um país cuja incidência dos raios solares é significativa. É por causa disso que temos formações vegetais incríveis, com diversos outros organismos vivos associados formando uma rica biodiversidade, já que são os raios solares que correspondem à energia radiante emitida pelo sol.
Cientificamente falando, eles são transmitidos sob a forma de radiação electromagnética, sendo cerca de metade desta energia emitida como luz visível na parte de frequência mais alta do espectro electromagnético e o restante na do infravermelho próximo e como radiação ultravioleta.
Os principais raios solares dividem-se em:
– Raios infravermelhos: provocam a desidratação da pele e sensação de calor;
– Raios UVC: podem provocar cânceres e queimaduras solares, mas raramente alcançam a superfície de nosso planeta, uma vez que são bloqueados pela camada de ozônio;
– Raios UVB: atingem camadas mais profundas da pele e, em excesso, podem provocar queimaduras, envelhecimento precoce e câncer de pele;
– Raios UVA: principais responsáveis pelo bronzeamento solar, mas, em excesso, podem provocar o envelhecimento precoce, em razão da destruição de fibras de colágeno e elastina, responsáveis pela elasticidade da pele.
Fatores de intensidade
intensidade da radiação, ou seja, a maior ou menor chegada dos raios ultravioletas à superfície terrestre, assim como o comprimento de onda, dependem dos seguintes fatores:
– Horário do dia: ao meio-dia a radiação solar está na menor distância da terra, por isso entre 10 e 14hs as radiações são mais lesivas pela maior quantidade de UVB;
– Latitude: a radiação é gradativamente maior a partir dos polos para o Equador (neste a camada de ozônio é menos espessa);
– Altitude: a radiação é mais intensa nas grandes altitudes porque há menos atmosfera para absorvê-la;
– Estação do ano: a radiação é maior no verão;
– Poluição atmosférica: as nuvens diminuem a radiação, mas não impedem sua chegada à superfície terrestre, por isso se faz necessário o uso do protetor solar o ano inteiro.
Benefícios
Como falamos no início do texto, o sol é indispensável à vida. Em doses moderadas, ele pode desempenhar um papel benéfico no humor, sendo um excelente tratamento contra determinadas formas de depressão sazonal. Além disso, o sol também é essencial na síntese da vitamina D, que é responsável pela fixação do cálcio nos ossos.
Malefícios
Contudo, em doses excessivas o sol pode ser muito perigoso e provocar queimaduras solares – também chamadas eritemas solares – que é o efeito nefasto imediato mais frequente de uma exposição ao sol. Fotodermatoses como a lucite ou outras dermatoses agravadas pelo sol, como a acne, o cloasma, o lúpus e a urticária solar, também podem ocorrer, além do vitiligo.
A longo prazo, surgem mais alguns efeitos ainda mais intensos, como aceleração do envelhecimento cutâneo, traduzido pelo aparecimento de manchas, tez amarela, rugas profundas, perda de densidade e elasticidade da pele.
Como evitar
Durante o verão, com a maior incidência dos raios, os efeitos nocivos aumentam, podendo trazer as consequências acima caso a exposição ao sol seja mais longa. No entanto, há certos cuidados que podem evitar os estragos causados na pele pelos raios e trazer proteção:
– Sempre usar protetor solar: é importante porque bloqueia a ação dos raios ultravioleta – considerando também que os UVA sempre estão em atividade,durante o dia, independentemente do clima e horário;
– Reposição do protetor solar: mesmo protetores à prova d’água não são capazes de resistir ao suor, e todos eles têm um limite de proteção;
– Evitar o sol das 10h às 16h: isso é necessário porque é nesse período que os raios UVB estão mais concentrados;
– Escolher bem o filtro solar: é necessário porque nem todos protegem as pessoas contra os raios UVA, uma vez que o fator de proteção, FPS, refere-se somente aos raios UVB. Quanto a isso, o ideal é que seja de FPS 15 ou de número maior, uma vez que confere maior durabilidade.
Para finalizar, aponte que cerca de meia hora de exposição diária ao sol é suficiente para se ter seus efeitos positivos, desde que seguindo as condutas corretas, como as citadas nos parágrafos anteriores.

DDS - Medidas de Prevenção na exposição a raios solares - Trabalho à Céu Aberto

Resultado de imagem para construção civil
O verão tem início por volta do dia 21 de Dezembro e término no dia 20 de Março com a chegada do verão e o calor intenso é preciso estar atento na necessidade de utilização do protetor solar como equipamento de proteção para empregados que trabalham a céu aberto, mais especificamente, os carteiros.
O uso do protetor solar é extremamente importante, na prevenção para evitar o câncer de pele, além de evitar a insolação, queimaduras, manchas, envelhecimento precoce, flacidez, lesões, que pode ser causado pelo longo período de exposição ao sol.
Especialistas fazem as seguintes recomendações para o uso dos protetores e bloqueadores: espalhar no corpo e no rosto, sem esquecer orelhas, pés e pescoço, usar sempre a palma das mãos para aplicar o creme e sempre passar nova camada após contato com a água;
Na NR 21 que sobre o trabalho a céu abertoesses empregados estariam expostos a todas as intempéries previstas;
No item “21.2. Serão exigidas medidas especiais que protejam os trabalhadores contra a insolação excessiva, o calor, o frio, a umidade e os ventos inconvenientes.”
Com relação à insolação excessiva, prevista no anexo 7 da NR 15, os agentes insalubres poderiam ser identificados como as radiações não ionizantes, entre elas, as ultravioletas.
Estudos comprovam que a excessiva exposição ao sol e à radiação ultravioleta está associada a vários tipos de câncer de pele, envelhecimento precoce, catarata e outras doenças oculares, bem como contribui para que o organismo fique menos resistente a infecções.
De acordo com o PNUMA – Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, a cada ano, mais de dois milhões de pessoas são vítimas de câncer de pele não-melanoma e 200 mil do tipo melanoma maligno. Entre 12 e 15 milhões de pessoas estão cegas, no mundo inteiro, devido à catarata e, segundo estimativas da OMS – Organização Mundial da Saúde, em cerca de 20% desse total (mais ou menos 3 milhões) a cegueira pode ter tido como causa a exposição excessiva aos raios UV.

As consequências dessa exposição à saúde humana foram consideradas tão sérias, que, na Agenda 21 adotada durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, em 1992, recomendaram-se urgentes pesquisas sobre os efeitos do aumento da radiação ultravioleta na superfície da Terra, provocado pela redução na camada de ozônio.


Medidas de proteção pessoal contra a exposição à radiação ultravioleta incluem roupas adequadas, chapéus e uso de filtros solares, de preferência com fator de proteção alto. Para os olhos, óculos escuros com lentes anti-raios UV.

Se possível evitar o sol das 10h às 16h: isso é necessário porque é nesse período que os raios UVB estão mais concentrados;

Previna-se contra os raios solares. use creme de proteção, óculos com filtro solar, proteção para cabeça evite exposição nos horários críticos.

Teresina plantou 320 mil árvores em 3 anos e planeja mais 500 mil


A meta agora é, entre 2017 e 2020, plantar, doar e distribuir 500 mil mudas frutíferas e nativas.


Em 2013, quando o projeto foi colocado em prática, o objetivo da Prefeitura de Teresina era chegar ao número de 300 mil mudas. | Foto: Flying Pizza/Flickr

O Projeto Teresina Mais Verde, que tem o objetivo de fomentar a arborização da cidade piauiense, superou a meta para 2016 estabelecida pela administração municipal. Desde que foi implantado, em abril de 2013, já foram plantadas, doadas ou distribuídas quase 320 mil mudas. A meta agora é, entre 2017 e 2020, plantar, doar e distribuir 500 mil mudas, entre espécies frutíferas, como cajueiro e mangueira, e nativas, como ipê e caneleiro.

Em 2013, quando o projeto foi colocado em prática, o objetivo da Prefeitura de Teresina era chegar ao número de 300 mil mudas até o fim de 2016. “Em junho deste ano, batemos a meta. No último relatório, fechado no dia 16 de novembro, verificamos que já superamos esse número em 17.472 mudas”, destaca Eduardo Freitas, coordenador municipal de arborização.

Desse total de 317.472, 28.385 foram plantadas ou transplantadas, 151.641 foram distribuídas de forma gerenciada e 137.446 foram doadas também de forma gerenciada. “Ao que tudo indica, a população aderiu ao Teresina Mais Verde”, comenta Eduardo Freitas.

Além do interesse da população, o coordenador de arborização da Prefeitura de Teresina chama atenção para outros fatores que contribuíram para que a meta estabelecida há três tenha sido superada. “Uma dessas iniciativas é o Caminhão do Verde, que começou a funcionar em novembro de 2015 e já visitou mais de 100 bairros. Por causa dele, são distribuídas de 500 a 1000 mudas por semana na capital”, observa Eduardo Freitas.

A doação e a distribuição de mudas também teve um papel importante. A doação é feita pela Prefeitura a partir de três viveiros, localizados nas zonas Norte, Sul e Leste, onde qualquer teresinense pode solicitar até 10 mudas. “A distribuição gerenciada é mais voltada para entidades e associações que queiram mais de 10 mudas. Nesse caso, é só mandar um ofício à Coordenação de Arborização solicitando”, complementa Eduardo Freitas.

Para os próximos anos, a meta estabelecida pela administração municipal é ainda mais arrojada. “O objetivo é dar continuidade. Queremos que, entre 2017 e 2020, sejam plantadas, doadas ou distribuídas mais 500 mil mudas”, finaliza.
Da Prefeitura de Teresina

Campanha do Dia Mundial de Luta Contra a Aids - 1º de dezembro


Resultado de imagem para nr 05 aids sipat




No dia 1ºde dezembro, comemora-se o Dia Mundial de Luta Contra a Aids. E a campanha deste ano dará enfoque nos jovens gays de 15 a 24 anos das classes C, D e E. A ação busca discutir as questões relacionadas à vulnerabilidade ao HIV/aids, na população prioritária, sob o ponto de vista do estigma e do preconceito. Além disso, a ideia é estimular a reflexão sobre a falsa impressão de que a aids afeta apenas o outro, distante da percepção de que todos estamos vulneráveis.

Resultado de imagem para aids



Públicos secundários: profissionais de saúde, gestores, profissionais da área de educação e comunidade escolar.
Mídias sugeridas: TV, rádio, internet, cartazes, fôlderes e mobiliários urbanos

Mais informações sobre especificação de materiais para licitação devem ser solicitadas por meio do e-mail: publicidade@aids.gov.br





Resultado de imagem para nr 05 aids sipat



Na NR 05 do MTE -Ministério do Trabalho e emprego que estabelece atribuições da  CIPA - Comissão Interna de Prevenção de Acidentes tem um importante papel na campanha de prevenção contra a AIDS nas empresas.
Veja no Item 5.16 A CIPA terá por atribuições:

p) participar, anualmente, em conjunto com a empresa, de Campanhas de Prevenção da AIDS. 

5.33 O treinamento para a CIPA deverá contemplar, no mínimo, os seguintes itens:

d) noções sobre a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida – AIDS, e medidas de prevenção; 




Secretaria de Saúde de MG disponibiliza material educativo sobre a DENGUE para download

Resultado de imagem para dengue

Dengue é uma doença séria! Em casos mais graves pode, inclusive, levar a morte. Trata-se de uma doença infecciosa febril que dura um pouco mais de uma semana e é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, da família Flaviridae. Atualmente, o mosquito também transmite a febre Chikungunya e o Zika Vírus.


Para enfrentar a Dengue é preciso a união de toda sociedade para que cada um faça a sua parte. Mas, o que você faz para eliminar o foco do mosquito? Você já parou para pensar nisso? Pois bem, saiba que se você tirar dez minutos semanais para fazer uma vistoria na sua casa, na escola ou no ambiente de trabalho é possível acabar de vez com esta doença. Foi pensando nisso, que a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) lançou este ano a campanha de mobilização, controle e enfrentamento 10 Minutos Contra a Dengue.

Esta nova abordagem é fruto de uma pesquisa elaborada pelo Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), no Rio de Janeiro, que foi inspirada em uma estratégia adotada em Cingapura, no Sudeste Asiático. Ao reservar dez minutos semanais para a limpeza das residências, os moradores daquela localidade conseguiram controlar o Aedes aegypti e, com isso, eliminar possíveis criadouros.


» Faça o download do material da campanha 10 Minutos Contra a Dengue.

Observação: O material está disponível para download e reprodução, desde que seja preservado e respeitado o conteúdo original e a ficha técnica.


DDS - PREVENÇÃO CONTRA DENGUE


TODOS CONTRA A DENGUE
Resultado de imagem para dengue

A prevenção é a única arma contra a doença.


A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.

Mas para se evitar a doença, ações fáceis podem ser tomadas pela população para que não haja a proliferação do mosquito. Deve-se evitar o acúmulo de água parada em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de garrafas, pneus, vasinhos de plantas, tambores, latões e muitos outros. Confira abaixo algumas ações de prevenção que podem se feitas por você na sua casa, escola, trabalho ou vizinhança.

Dicas para combater o mosquito e os focos de larvas
Resultado de imagem para dengue
Fonte IMAGEM: http://www.dengue.org.br/dengue_prevenir.html

Confira os sintomas da Dengue
O tempo médio do ciclo é de 5 a 6 dias, e o intervalo entre a picada e a manifestação da doença chama-se período de incubação. É só depois desse período que os sintomas aparecem. Geralmente os sintomas se manifestam a partir do 3° dia depois da picada do mosquitos.
Sintomas
seta Dengue Clássica
Mais Febre alta com início súbito.
Mais Forte dor de cabeça.
Mais Dor atrás dos olhos, que piora com o movimento dos mesmos.
Mais Perda do paladar e apetite.
Mais Manchas e erupções na pele semelhantes ao sarampo, principalmente no tórax e membros superiores.
Mais Náuseas e vômitos·
Mais Tonturas.
Mais Extremo cansaço.
Mais Moleza e dor no corpo.
Mais Muitas dores nos ossos e articulações.
seta Dengue hemorrágica
Os sintomas da dengue hemorrágica são os mesmos da dengue comum. A diferença ocorre quando acaba a febre e começam a surgir os sinais de alerta:
Mais Dores abdominais fortes e contínuas.
Mais Vômitos persistentes.
Mais Pele pálida, fria e úmida.
Mais Sangramento pelo nariz, boca e gengivas.
Mais Manchas vermelhas na pele.
Mais Sonolência, agitação e confusão mental.
Mais Sede excessiva e boca seca.
Mais Pulso rápido e fraco.
Mais Dificuldade respiratória.
Mais Perda de consciência.
Na dengue hemorrágica, o quadro clínico se agrava rapidamente, apresentando sinais de insuficiência circulatória e choque, podendo levar a pessoa à morte em até 24 horas. De acordo com estatísticas do Ministério da Saúde, cerca de 5% das pessoas com dengue hemorrágica morrem.
O doente pode apresentar sintomas como febre, dor de cabeça, dores pelo corpo, náuseas ou até mesmo não apresentar qualquer sintoma. O aparecimento de manchas vermelhas na pele, sangramentos (nariz, gengivas), dor abdominal intensa e contínua e vômitos persistentes podem indicar a evolução para dengue hemorrágica. Esse é um quadro grave que necessita de imediata atenção médica, pois pode ser fatal.
Sintomas
Arte G1
Mais Veja imagens das manchas na pele e aspectos clínicos

É importante procurar orientação médica ao surgirem os primeiros sintomas, pois as manifestações iniciais podem ser confundidas com outras doenças, como febre amarela, malária ou leptospirose e não servem para indicar o grau de gravidade da doença.



Fonte: Dengue Org


Resultado de imagem para dengue










 
Eco Harmonia